A internet transformou nossas vidas de muitas maneiras boas. Infelizmente, a rede e suas tecnologias associadas também trouxeram consigo o aumento do número de ameaças à segurança. A maneira mais eficaz de se proteger contra essas ameaças e ataques é estar ciente das práticas padrão de segurança cibernética. A ATN responde a três perguntas sobre segurança do computador e seus principais conceitos. Para aprender como manter a rede de computadores de sua casa, seu trabalho ou sua empresa acima de riscos, inscreva-se no curso de “Segurança e privacidade do computador”, da Microsoft.

O que é segurança de computadores?

A segurança de computadores é a proteção de sistemas de computadores e informações contra danos, roubo e uso não autorizado. É o processo de prevenir e detectar o uso arbitrário do sistema de computador. Muitas vezes as pessoas confundem segurança de computadores com outros termos relacionados, como segurança da informação e segurança cibernética. A segurança da informação protege as informações contra acesso não autorizado, modificação e exclusão de arquivos. A segurança cibernética define como proteger sistemas de computadores, que se comunicam através das redes de computadores.

Assim, a segurança do computador pode ser definida como controles que são colocados em prática para fornecer confidencialidade, integridade e disponibilidade para todos os componentes dos sistemas de computador. Os componentes de um sistema de computador que precisam ser protegidos são: Hardware, a parte física do computador, como a memória do sistema e a unidade de disco; Firmware, software permanente que é gravado na memória não volátil de um dispositivo de hardware e é praticamente invisível para o usuário; Software, a programação que oferece serviços, como sistema operacional, processador de texto, navegador de internet para o usuário.

Quais são as ameaças à segurança do computador?

Ameaças à segurança do computador são perigos que podem prejudicar o funcionamento normal do seu computador. Na era atual, as ameaças cibernéticas estão aumentando constantemente à medida que o mundo se torna digital. Os tipos mais nocivos de segurança do computador são:

Vírus - Trata-se de um programa malicioso que é carregado no computador do usuário sem o conhecimento do usuário. Ele se replica e infecta os arquivos e programas no PC do usuário. O objetivo final de um vírus é garantir que o computador da vítima nunca seja capaz de funcionar corretamente ou mesmo de forma alguma.

Worm de computador - Um worm de computador é um programa de software que pode se copiar de um computador para outro, sem interação humana. O risco potencial aqui é que ele usará o espaço no disco rígido do seu computador porque um worm pode replicar em grande volume e com grande velocidade.

Phishing - Disfarçando-se como uma pessoa ou empresa confiável, os phishers tentam roubar informações financeiras ou pessoais confidenciais por meio de e-mails fraudulentos ou mensagens instantâneas. Phishing infelizmente é uma prática muito fácil de executar.

Botnet - Uma botnet é um grupo de computadores conectados à internet, que foram comprometidos por um hacker usando um vírus de computador. Um computador individual é chamado de “computador zumbi”. O alvo dessa ameaça é o computador da vítima, que é o bot usado para atividades maliciosas e para um ataque em grande escala como o DDoS (negação distribuída de serviço, a paralisação intencional de uma rede de computadores inundando-a com dados enviados simultaneamente de muitos computadores individuais), etc.

Rootkit - Um rootkit é um programa de computador projetado para fornecer acesso privilegiado contínuo a um computador, enquanto oculta ativamente sua presença. Depois que um rootkit for instalado, o controlador do rootkit poderá executar arquivos remotamente e alterar as configurações do sistema na máquina host.

Keylogger - Também conhecido como um registrador de pressionamento de tecla, os keyloggers podem rastrear a atividade em tempo real de um usuário em seu computador. Ele mantém um registro de todas as teclas digitadas pelo teclado do usuário. Keylogger também é uma ameaça muito poderosa para roubar credenciais de login de pessoas, como nome de usuário e senha.

Essas talvez sejam as ameaças de segurança mais comuns que você encontrará. Além destes, existem outros como spyware, wabbits, scareware, bluesnarfing e muitos mais. Felizmente, existem maneiras de se proteger contra esses ataques.

Há algo que possa ser feito para proteger-se dessas ameaças?

Os riscos à segurança de computadores estão se tornando implacavelmente inventivas nos dias de hoje. Há grande necessidade de se armar com recursos para se proteger contra essas complexas e crescentes ameaças e manter-se seguro on-line. Algumas medidas preventivas que você pode seguir incluem: instalação de software confiável e antivírus; ativação do firewall, que age como um guarda de segurança entre a internet e a rede local; alteração frequente de senhas; pesquisar os aspectos básicos da segurança do computador e educar-se sobre as ameaças cibernéticas em evolução.